domingo, fevereiro 22, 2015

Ex-baixista da Legião Urbana é achado morto em hotel





Renato Rocha, Dado Villa Lobos, Renato Russo e Marcelo Bonfá na Legião Urbana


Renato Rocha, baixista que fez parte da primeira formação da Legião Urbana, foi encontrado morto na manhã deste domingo (22) em um hotel do Guarujá, cidade no litoral sul de São Paulo.

Segundo a Polícia Militar, o músico foi encontrado por uma amiga que o acompanhava por volta das 8h30 da manhã. Ainda não há informações sobre a causa da morte nem sobre o velório do baixista.


Renato Rocha fez parte da Legião Urbana em sua estreia, em 1985, tocando no álbum que iniciou a carreira da banda ao lado de Renato Russo, Marcelo Bonfá e Dado Villa Lobos. O músico entrou na trupe para assumir parte das funções de Renato Russo, que era o baixista do grupo até então.

Em entrevista recente, o baterista Marcelo Bonfá contou sobre o episódio: "O primeiro disco era para ser gravado com o Renato como baixista. A Legião começou com essa cozinha, eu na bateria e o Renato no baixo. A gente se identificava muito bem. Mas, nesse momento, o Renato cortou os pulsos dias antes de entrar no estúdio”.


O susto forçou a entrada de Renato Rocha na banda, que Bonfá conheceu em uma das festas de rock na cidade-satélite. "Ele era uma figura louca, um cara gente fina", disse Bonfá.

O baixista gravou os três primeiros discos da banda de Brasília: "Legião Urbana" (1984), "Dois" (1986) e "Que país é este?" (1987).

Dos dois últimos álbuns, Rocha também foi compositor e ajudou a compor faixas ao lado dos antigos membros. De "Dois", ele participou da composição de "Daniel na Cova dos Leões", "Quase sem querer", "Acrilic on Canvas", "Plantas embaixo do aquário" e "Andrea Doria". Segundo o site oficial da banda, o disco vendeu mais de 250 mil cópias na época do lançamento, o que representava então um disco de platina. Já do sucesso "Que país é este?", Negrete ajudou na composição das músicas "Angra dos Reis" e "Mais do mesmo".


Rocha saiu da Legião Urbana em 1989, pouco antes da gravação de "As quatro estações", que vendeu 730 mil cópias apenas no seu ano de lançamento e se tornaria outro sucesso da banda de Brasília, com faixas como "Há tempos" e "Pais e filhos". A partir dali, Renato Russo assumiria o contrabaixo, tal qual o início do grupo.

A saída de Rocha da Legião Urbana sempre teve depoimentos divergentes. Em entrevistas, o ex-baixista disse que foi expulso por Russo "do nada", dentro de um elevador. Já os membros restantes justificavam motivos pessoais e de comportamento do colega.

A primeira banda de Rocha foi o Gestapo e, depois, a Hosbond Kama. Ao sair da Legião, ele participou de diversos grupos, como Cartilage e Finis Africae.























Fonte: G1/UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui! Sua opinião é muito importante para que possamos fazer um trabalho cada vez melhor! Apenas use o bom senso e não deixe mensagens ofensivas!